MG é o quarto estado a garantir o direito à amamentação em público

Quem proibir ou constranger o ato da amamentação pode ser multado.

Lido 4655 vezes

Há quatro anos surgiu um movimento – o ‘mamaço’ – que levou mães a sair em defesa da amamentação em todos os lugares. Para garantir que essa regra seja respeita, cada vez mais cidades e estados estão criando legislações específicas.
Em Minas Gerais amamentar em público agora é um direito garantido por lei. Quem desaprovar vai ser multado. A multa é de R$ 975,42. Esse valor dobra em caso de reincidência: R$ 1.950,84. Essa garantia é fundamental para que as mães consigam amamentar pelo menos até os seis meses, que é a orientação da Organização Mundial da Saúde.
O primeiro estado a criar uma lei sobre o assunto foi Santa Catarina. São Paulo, Rio de Janeiro e Mato Grosso também já têm leis aprovadas.
Compartilhe
- Parceiros/Conveniados -


Comente